Vagner Cardoso

'



Muitas coisas são importantes em um reino ou país para que ele cresça e tenha expressão, como um bom governo e lideres competentes e honestos que queiram e desejem o bem estar de seu povo, pois nenhum reino seria coisa alguma se não existisse um povo, mas ainda além disso poderíamos citar varias outras coisas como uma boa moeda, educação, cuidado com saúde e também segurança etc...

Deu para entender que um bom reino é feito de varias coisas, que em um estado digno e bem cuidadas darão suporte para o seu crescimento, um reino não é feito só de bandeira e boas ideias e ótimas intenções, é necessário um bom conjunto que lhe de alicerce.

Quando comparamos nações e povos muitas coisas são encontradas que são comuns entre elas, todas em sua maioria possuem uma moeda de troca, bandeira, seu hino que expressa todo o amor do povo pela sua pátria, um idioma oficial, é outra coisa essencial um exercito!

Você já imaginou um reino sem exercito?

Se um reino não tiver um exercito está sujeito a ameaças, ninguém mais o respeitará, seria impossível guardar o que se tem de riquezas em sua pátria.

Hoje muitas coisas que nações conquistaram em suas origens e trajetória teve a ajuda de suas armas, o próprio Brasil mostra isso, se lermos a bíblia vamos ver que no antigo testamento o Senhor era chamado e conhecido como o Senhor dos exércitos, pois entregou inúmera vitorias a Israel em batalhas contra inimigos, o exercito de Israel era temido, pois através dele Deus estava protegendo e fazendo avançar este reino.

Um reino precisa de um exercito para se defender e proteger suas riquezas, seu povo, e território também, mas para isso é necessário bons soldados e capitães.

No reino espiritual não é diferente, sabemos que existem dois grandes reinos o dá luz e das trevas, o primeiro tem como soberano o nosso Deus e príncipe Jesus Cristo e o das trevas o anjo caído Lúcifer e seu príncipe o anticristo que há de surgir, ambos querem vencer e conquistar este mundo para seus reinos, mas sem um exercito seria impossível.

Satanás tem seus demônios e Deus e Jesus seus poderosos anjos, mas aqui na terra é um pouco diferente, eles precisam de um exercito de homens alistados para lutarem por cada reino.

Jesus desceu a terra como homem para alistar homens para esse combate, começou com doze, mas hoje já conta com milhões de pessoas que o seguem e estão dispostas a avançar e conquistar este mundo para Deus, tirando almas das garras de Satanás e trazendo para a luz.

Hoje podemos dizer que a igreja de Cristo é seu exercito e todos aqueles que o confessam com a boca e nasceram de novo são seus soldados,

Veja:

Sofre comigo como bom soldado de Cristo Jesus.
Nenhum soldado em serviço se embaraça com negócios desta vida, a fim de agradar àquele que o alistou para a guerra.  (2 Tm 2.3,4)

O apóstolo Paulo se considerava um soldado!

Jesus nos alistou, ele nos chamou para uma guerra, não para combater contra a carne, mas o reino das trevas!

Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. (Efésios 6:12)

Mas muitos precisam entender isso, não sabem que estão em uma guerra, e nem de que lado estão!

Esteja na luz como Jesus na luz está, ele peleja do seu lado e seguro estarás, mas aprenda a combater o bom combate!

Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. (2 Timóteo 4:7)

Milita a boa milícia da fé, toma posse da vida eterna, para a qual também foste chamado, tendo já feito boa confissão diante de muitas testemunhas. (1 Timóteo 6:12)

Vamos aqui ver e analisar, algumas coisas importantes a respeito de ser um soldado alistado em um exercito.

1° Quem se alista em um exercito é porque se compromete com seu reino e sua visão

Meu amigo qualquer que entrar em um exercito é porque se compromete com a causa, aquele que não se compromete e excluído, uma vez no exercito devesse estar ciente disso, devo combater os combates pelo meu reino com fidelidade com inteira responsabilidade e lealdade.

Quando aceitamos Jesus é porque ouvimos o evangelho, com ele aprendemos o porquê de Jesus vir a terra, pois ele tinha uma visão!

Visão essa de expandir não uma religião mais um reino! Maravilha!

Ele trouxe seu reino e nos deixou como seus soldados e uma missão, despovoar o inferno e salvar vidas com sua mensagem de salvação.

Muitos aceitaram Jesus, mas não estão comprometidos com seu reino, querem a gloria do reino, seus benefícios, mas não seguem sua visão (bíblia), isso faz destes péssimos soldados.

Um momento está na luz da palavra e em outro nas trevas do pecado, num dia amam e no outro matam, meus amigos se somos de Cristo devemos ser comprometidos com ele, seguir seus passos sem nos afastar, pois ficando longe podemos perder suas pegadas, siga e combata o bom combate por Cristo, seja fiel e leal a Ele, seja como Paulo um bom soldado, que peleja por seu reino e vive a visão do reino.

2° Quem se alista em um exercito está se comprometendo com seu reino até a morte

Quem um dia aceitou ser um soldado deve ter a consciência que também um dia poderá encontrar a morte em uma batalha, nenhum exercito garante vida, mas sim perigo de morte, assim é com os soldados de Cristo.

Já estou crucificado com Cristo; e vivo não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim. (Gálatas 2:20)

E dizia a todos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome cada dia a sua cruz, e siga-me. (Lucas 9:23)

Meu amigo se você aceitou Jesus deve negar a si mesmo, quero dizer deve morrer para suas próprias concupiscências e desejos carnais que te fazem pecar contra o reino de Jesus, a palavra de Deus nos mostra quais são as leis do reino e se você não estiver a fim de morrer para o pecado e viver a palavra de Deus não viverá o bem desta terra e as bênçãos de Deus perderá e até mesmo a vitória mais importante à salvação.

3° Todo soldado deve aprender a manejar as armas do exercito do reino

Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade. (2 Timóteo 2:15)

Imagina um soldado que vai para o campo de batalha que não sabe usar as armas que tem, no mínimo será o próximo a ser feito preso ou ainda a ser morto em batalha.

Soldado inútil é aquele que não sabe pelejar em uma guerra, fica ferido e ainda por causa de sua condição faz com que outros quatro ou cinco outros soldados saiam de seus postos para ajuda-lo, por isso em uma guerra soldados ferido muitas vezes são deixados para trás para morrerem.

Se você é um crente deve aprender a manejar a palavra de Deus, ela é sua arma contra as trevas e o pecado que rodeia esse mundo.

Eis o motivo que muitos crentes estão sendo derrotados e presos por satanás, pois não sabem seus direitos na palavra de Deus, e só meditando e ouvindo a irão aprender com ela a vencer e combater o bom combate da fé.

4° Medo o maior motivo de deserção

Sabe por que muitos rapazes desistem de se alistar e se tornar soldados pelo seu reino, o medo os fazem desistir.

Quem vai para uma batalha com medo está condenado a perdê-la, enfrente suas lutas sem medo, veja o caso de Davi, venceu o gigante por que não só tinha fé em Deus, mas também porque expulsou o medo de seu coração, Deus não nos deu espirito de covardia mais de ousadia.

Porque Deus não nos deu o espírito de temor, mas de fortaleza, e de amor, e de moderação. (2 Timóteo 1:7)

Deus não tem prazer nos que desistem, mas naqueles que seguem sua palavra sem medo, mas com ousadia, talvez satanás tenha lhe vencido por causa de seus medos, verifique em seu coração se há medo e tire todos.

5° Quem deserta fica com a morte pois só a morte pode separar alguém de sua milícia

Um soldado não pode desertar se isso ocorre ele chama para si a morte, pois só a morte pode separar o soldado de sua milícia, o compromisso selado com seu reino vale a vida de seus compatriotas, seu povo depende de seus soldados.

Meu amigo assim é no reino espiritual, quando alguém sai da presença de Deus o que resta é a morte, pois o pecado só gera morte, a única coisa que nos pode dar vida plena é a palavra de Deus (Pv 4.20-24), o quanto estamos com Deus temos vida o maligno não pode nos tocar, mas ao nos afastar ele começa a ter novo acesso, então nunca deserte permaneça na presença de Deus e você nunca provará da morte que é o inferno.

Ps. Deixe seu comentário.